Tratamento com alarme para a enurese noturna

A enurese, também conhecida como enurese noturna, é o famoso xixi na cama, uma problema de saúde que afeta muitas crianças, adolescentes e até jovens adultos, quando não tratada. Cerca de 10% das crianças com sete anos e meio de idade ainda molha a cama frequentemente. Embora seja mais comum entre meninos na infância, na adolescência a proporção de meninos e meninas com enurese é similar.

Por que a enurese ocorre?
O xixi na cama é, na maior parte das vezes, hereditário. Muitas crianças que ainda molham a cama tiveram pais com o mesmo problema em sua infância. Há três sistemas fisiológicos que levam à enurese: a criança pode, por uma desregulagem hormonal, produzir muita urina durante a noite. Outra possibilidade é a sua bexiga ser hiperativa, ou seja, muito sensível ao enchimento. Um desses dois fatores se associa à incapacidade que a criança tem de acordar quando sente que a bexiga está cheia, o que causa o episódio de enurese.

O que fazer?
Antes de mais nada, os pais devem ter em mente que a enurese não é culpa da criança. Ela não é "preguiçosa" ou "sem-vergonha", e puni-la ou brigar com ela só a deixará mais angustiada com o problema. O melhor a fazer é lidar com a enurese de forma natural, oferecendo apoio e, a partir dos cinco anos de idade, buscar um tratamento.

Tratamento com alarme
alarme para enureseA enurese tem cura, através de uma série de opções medicamentosas ou psicológicas, cada uma com suas vantagem e desvantagens. A primeira coisa a se fazer é procurar uma avaliação com um especialista, em geral o urologista pediátrico, que fará uma avaliação a fim de verificar qual o melhor tipo de tratamento. Quando se constata que a criança não tem nenhum problema médico, o melhor tratamento é o alarme. O alarme é um dispositivo colocado na cama ou na roupa da criança que emite um som ou vibra quando o xixi começa a escapar. Com isso, a criança acorda e, após algumas semanas de uso, passa a acordar antes do xixi começar a vazar ou consegue segurar a noite toda. Entre 60% e 70% dos casos são resolvidos com esse método. Oferecemos o tratamento com alarme para crianças ou adolescentes que fazem xixi na cama, com acompanhamento especializado.